planta do moinho da maré arquitectura

Projeto moderno do edifício do moinho do raymond

projeto moinho de cimento verticais, 4 rolos raymond moinho para cimento calcario Moinho de rolos, máquina quente do fabricante da areia do edifício da venda batepapo online planta do moinho da maré arquitectura kaiserkarleu

Obter preço

O MOINHO DE MARÉ DE CORROIOS Ilustração do

percurso museológico do moinho e 5 painéis destinados a integrar a exposição temporária dedicada à biodiversidade da envolvente do moinho. As ilustrações dedicadas ao património do Moinho de Corroios abordam uma vasta gama de conceitos relativos, desde a

Obter preço

Os antigos moinhos de maré da Verderena Património Barreiro

António Nunes Camarão – Sector do Património e Museus – CMB Ficou a deverse a Gaspar Correia a edificação do primeiro moinho de maré na Verderena, o qual em 1484 se encontrava ainda dentro dos limites do alfoz de Alhos Vedros, e que em 1521 passou a constituir referência para a demarcação da

Obter preço

Visita ao Moinho de Maré de Corroios Turismo na Natureza

Abandonado durante vários anos, o Moinho de Maré de Corroios tornouse propriedade da Câmara Municipal do Seixal na década de 80, que tratou da recuperação do edifício e da reabilitação dos sistemas de moagem. Em 1984 foi reconhecido como Imóvel de Interesse Público.

Obter preço

O MOINHO DE MARÉ DE CORROIOS Ilustração do Património

percurso museológico do moinho e 5 painéis destinados a integrar a exposição temporária dedicada à biodiversidade da envolvente do moinho. As ilustrações dedicadas ao património do Moinho de Corroios abordam uma vasta gama de conceitos relativos, desde a

Obter preço

DGPC Pesquisa Geral DGPC Direção Geral do

No exterior, e abaixo da cota do rio em maré cheia, o corpo da moagem abriga os rodízios que movem seis casais de mós, sob arcarias abertas no embasamento de cantaria do edifício. Este moinho, como os seus congéneres, recebeu grandes obras de reconstrução a partir do século XVIII, nomeadamente após o terremoto de 1755.

Obter preço

(PDF) Alburrica – Mexilhoeiro Um conjunto patrimonial

Musa, 3, 2010, p. 215220 António Nunes Camarão 9 Alburrica / Mexilhoeiro Um conjunto patrimonial A estrutura em betão que se situa no topo da duna atrás do Moinho Nascente, corresponde à plataforma de apoio da cábrea (assinalada a vermelho na planta do estaleiro), anteriormente a meio caminho entre esta plataforma e o referido moinho

Obter preço

Moinho de Maré de Corroios Câmara Municipal do Seixal

O Moinho de Maré de Corroios, edificado em 1403 por iniciativa do Santo Condestável Nuno Álvares Pereira, constitui um exemplo do aproveitamento da energia das marés, cuja aplicação à atividade moageira se generalizou noutros tempos no estuário do Tejo.

Obter preço

PASSEIO AO MOINHO DE MARÉ EM OLHÃO: Horizontes

OLHÃO, 4 /Abril/2010 = Eram 10,35h quando saímos de casa para fazermos um passeio a pé até para lá da Quinta de Marim onde se situa o Moinho de Maré de Olhão. É um dos 3 Moinhos de Maré em funcionamento em Portugal e por isso vale a pena ver uma coisa que temos ao pé de casa.

Obter preço

Aqueduto e Moinho Medievais by Senos da Fonseca

Mar 20, 2015 · AVEIROApontamento histórico Aqueduto e Moinho da Maré Medievais. Para melhor compreensão mostro uma planta da Villa, do que foi descrito, ela seria em 1696.

Obter preço

Corroios O Portal dos Observadores de Aves

vegetação. Na Primavera observase igualmente o abelharuco (em geral do lado da vizinha Quinta da Princesa). Saindo do moinho de maré e virando à direita, seguese pelos arruamentos na direcção de Miratejo, até encontrar um sinal para a direita com a indicação "Ponta dos Corvos". O trajecto até este local tem cerca de

Obter preço

MOINHO DE MARÉ DO CAIS DAS FALUAS (MONTIJO, 19932005

MOINHO DE MARÉ DO CAIS DAS FALUAS (MONTIJO, 19932005) RESTAURO E MUSEALIZAÇÃO casa da rua bela vista rua da rosa beco da cardosa rua norberto araujo CIII5 quinta do laranjal residências estudantes calçada ribeiro santos res publica 2010 trienal de arquitectura lx 10 anos modalisboa pav. açores am meer pav. açores

Obter preço

Moinho das Fragas / Bruno Dias arquitectura ArchDaily Brasil

Planta A obra tem por princípio o baixo custo, com a reutilização do máximo de elementos existentes do moinho. Desta forma, o projeto centrase em resolver o interior dando resposta ao programa, com os espaços revestidos na sua totalidade com um só material – pinho, que se desenham em função dos usos, da luz e do bemestar.

Obter preço

DGPC Pesquisa Geral DGPC Direção Geral do

O moinho da Quinta da Palmeira foi erguido no século XV, na margem esquerda do rio Coina, na sequência da construção de uma série de moagens da região, inauguradas pela edificação do Moinho de Corroios, este ainda datado de 1403. É constituído por um conjunto de edifícios de planta rectangular, integrando a casa de moagem, com oito

Obter preço

Arquitetura e projetos de Casas Portugal ArchDaily Brasil

Veja mais de 433 obras de arquitetura relacionadas com Casas no Portugal

Obter preço

Universidade da Beira Interior Departamento de Engenharia

e Arquitectura da Universidade da Beira Interior. Projecto: 1 Planta de Implantação do Existente 2 Planta de implantação da Proposta 10 Plantas do edifício Moinho do Pombal PROPOSTA 11 Plantas da Cobertura do Moinho do Pombal PROPOSTA 12 Alçados do Moinho do Pombal

Obter preço

Moinho de Maré Junta de Freguesia de Corroios

Em meados do século XX era das quintas da região que provinham os mais diversificados cereais a farinar no Moinho. Chegam por terra mas muitas vezes pelas águas do esteiro, transportado por varinos que acostavam lateralmente ao edifício. Nos anos setenta, o Moinho de Maré de Corroios foi cada vez mais perdendo atividade.

Obter preço

(PDF) Alburrica – Mexilhoeiro Um conjunto patrimonial

Musa, 3, 2010, p. 215220 António Nunes Camarão 9 Alburrica / Mexilhoeiro Um conjunto patrimonial A estrutura em betão que se situa no topo da duna atrás do Moinho Nascente, corresponde à plataforma de apoio da cábrea (assinalada a vermelho na planta do estaleiro), anteriormente a meio caminho entre esta plataforma e o referido moinho

Obter preço

Corroios Património: 2007

Neste mês de Dezembro de 2007, encontramse no Sapal de Corroios mais de uma centena de Flamingos. Normalmente durante a preiamar frequentam a zona da Ponta do Mato e na baixamar as imediações do moinho de maré. Um património que nos orgulha e

Obter preço

Setúbal – Município Participado Website oficial do

Monólogos do TAS fazem ''Terapia das Almas'' 8 julho, 2019. Marginal do Rio Azul corre à beirario. 8 julho, 2019. Região acontece em nova agenda cultural. 5 julho, 2019. Arrábida Camp ocupa verão da juventude. 5 julho, 2019. Museu do Trabalho com candidaturas aprovadas. 4 julho, 2019. AML e Marinha assinam protocolo de colaboração. 4

Obter preço

DGPC Pesquisa Geral DGPC Direção Geral do

O moinho da Quinta da Palmeira foi erguido no século XV, na margem esquerda do rio Coina, na sequência da construção de uma série de moagens da região, inauguradas pela edificação do Moinho de Corroios, este ainda datado de 1403. É constituído por um conjunto de edifícios de planta rectangular, integrando a casa de moagem, com oito

Obter preço

A Matéria do Tempo: Moinhos de maré

May 07, 2007 · Esta enseada é separada do resto do rio por um açude. No enfiamento do açude fica o próprio edifício do moinho, por baixo do qual existem aberturas para a passagem da água: uma passagem para a água que sobe e outra ou outras para a água que desce, onde se encontram os rodízios que fazem girar as mós.

Obter preço

Sitio de Alburrica Moinhos by Associação Barreiro

Apr 07, 2019 · Terá ardido completamente e situavase nos terrenos da Quinta do Braamcamp. Moinhos de Maré 8 Moinho do Cabo de Pero Moço É, hoje, uma ruína, anterior a

Obter preço

ruin''arte: Moinhos de maré Seixal

Na margem esquerda do rio Coina, outros se ergueram: os dos Paulistas (velho e novo), o do Breyner, o da Palmeira, o do Cabo da Linha e o do Zeimoto. Com o terramoto de 1755, como todos os edifícios da região de Lisboa, também os moinhos de maré sofreram grandes danos e ruína, sendo certamente sujeitos a alterações durante a sua

Obter preço

PASSEIO AO MOINHO DE MARÉ EM OLHÃO: Horizontes

OLHÃO, 4 /Abril/2010 = Eram 10,35h quando saímos de casa para fazermos um passeio a pé até para lá da Quinta de Marim onde se situa o Moinho de Maré de Olhão. É um dos 3 Moinhos de Maré em funcionamento em Portugal e por isso vale a pena ver uma coisa que temos ao pé de casa.

Obter preço

Blogue do 8ºF: Flora do Sapal de Corroios turma8f

outras plantas halófitas como a gramata branca e a gramata gorda que são menos resistentes ao sal e por isso estão mais afastadas do centro da caldeira e arbustos como o valverde dos sapais, a barrilha e a salgadeira nos taludes do sapal.

Obter preço

Câmara do Barreiro manda abaixo moinho de maré para

A história remonta a 2016, ano em que se iniciou um processo sobre a requalificação do Moinho de Maré Pequeno, no esteiro de Coina. O executivo da autarquia decidiu avançar com obras de

Obter preço

Blogue do 8ºF: Flora do Sapal de Corroios turma8f

outras plantas halófitas como a gramata branca e a gramata gorda que são menos resistentes ao sal e por isso estão mais afastadas do centro da caldeira e arbustos como o valverde dos sapais, a barrilha e a salgadeira nos taludes do sapal.

Obter preço

ruin''arte: Moinhos de maré Seixal

Na margem esquerda do rio Coina, outros se ergueram: os dos Paulistas (velho e novo), o do Breyner, o da Palmeira, o do Cabo da Linha e o do Zeimoto. Com o terramoto de 1755, como todos os edifícios da região de Lisboa, também os moinhos de maré sofreram grandes danos e ruína, sendo certamente sujeitos a alterações durante a sua

Obter preço

Moinho de Maré Junta de Freguesia de Corroios

Em meados do século XX era das quintas da região que provinham os mais diversificados cereais a farinar no Moinho. Chegam por terra mas muitas vezes pelas águas do esteiro, transportado por varinos que acostavam lateralmente ao edifício. Nos anos setenta, o Moinho de Maré de Corroios foi cada vez mais perdendo atividade.

Obter preço

Moinhos de Maré: um Património a preservar (1) Textos e

Moinhos de Maré: um Património a preservar (1) Carlos Gomes(*) O moinho de maré de Corroios, no concelho do Seixal, foi mandado construir por D. Nuno Álvares Pereira em 1403, já lá vão mais de seis séculos de existência.

Obter preço

Câmara do Barreiro manda abaixo moinho de maré para

A história remonta a 2016, ano em que se iniciou um processo sobre a requalificação do Moinho de Maré Pequeno, no esteiro de Coina. O executivo da autarquia decidiu avançar com obras de

Obter preço

Moinho das Fragas / Bruno Dias arquitectura ArchDaily Brasil

Planta A obra tem por princípio o baixo custo, com a reutilização do máximo de elementos existentes do moinho. Desta forma, o projeto centrase em resolver o interior dando resposta ao programa, com os espaços revestidos na sua totalidade com um só material – pinho, que se desenham em função dos usos, da luz e do bemestar.

Obter preço

Quinta de Marim e Chalé João Lúcio Algarve Portugal

Dec 18, 2018 · Laborou entre 1885 e 1970, tendo sido o último moinho de maré da Ria Formosa a cessar a atividade. Este moinho tinha 6 casais de mós. O moleiro e a sua família habitavam no edifício do moinho.

Obter preço

LoveTrees Project: Moinho da maré da Mourisca

Sabe a passeio, a descontração e a tranquilidade. Visitar o Moinho da Maré nas Mouriscas oferecenos as asas do conhecimento sobre as espécies que dão vida à terra, que habitam o mundo natural que nos circunda e que coabita amigavelmente com o ser humano.

Obter preço

Projeto moderno do edifício do moinho do raymond

projeto moinho de cimento verticais, 4 rolos raymond moinho para cimento calcario Moinho de rolos, máquina quente do fabricante da areia do edifício da venda batepapo online planta do moinho da maré arquitectura kaiserkarleu

Obter preço

O MOINHO DE MARÉ DE CORROIOS Ilustração do

percurso museológico do moinho e 5 painéis destinados a integrar a exposição temporária dedicada à biodiversidade da envolvente do moinho. As ilustrações dedicadas ao património do Moinho de Corroios abordam uma vasta gama de conceitos relativos, desde a

Obter preço

Os antigos moinhos de maré da Verderena Património Barreiro

António Nunes Camarão – Sector do Património e Museus – CMB Ficou a deverse a Gaspar Correia a edificação do primeiro moinho de maré na Verderena, o qual em 1484 se encontrava ainda dentro dos limites do alfoz de Alhos Vedros, e que em 1521 passou a constituir referência para a demarcação da

Obter preço

Visita ao Moinho de Maré de Corroios Turismo na Natureza

Abandonado durante vários anos, o Moinho de Maré de Corroios tornouse propriedade da Câmara Municipal do Seixal na década de 80, que tratou da recuperação do edifício e da reabilitação dos sistemas de moagem. Em 1984 foi reconhecido como Imóvel de Interesse Público.

Obter preço

O MOINHO DE MARÉ DE CORROIOS Ilustração do Património

percurso museológico do moinho e 5 painéis destinados a integrar a exposição temporária dedicada à biodiversidade da envolvente do moinho. As ilustrações dedicadas ao património do Moinho de Corroios abordam uma vasta gama de conceitos relativos, desde a

Obter preço

DGPC Pesquisa Geral DGPC Direção Geral do

No exterior, e abaixo da cota do rio em maré cheia, o corpo da moagem abriga os rodízios que movem seis casais de mós, sob arcarias abertas no embasamento de cantaria do edifício. Este moinho, como os seus congéneres, recebeu grandes obras de reconstrução a partir do século XVIII, nomeadamente após o terremoto de 1755.

Obter preço

(PDF) Alburrica – Mexilhoeiro Um conjunto patrimonial

Musa, 3, 2010, p. 215220 António Nunes Camarão 9 Alburrica / Mexilhoeiro Um conjunto patrimonial A estrutura em betão que se situa no topo da duna atrás do Moinho Nascente, corresponde à plataforma de apoio da cábrea (assinalada a vermelho na planta do estaleiro), anteriormente a meio caminho entre esta plataforma e o referido moinho

Obter preço

Moinho de Maré de Corroios Câmara Municipal do Seixal

O Moinho de Maré de Corroios, edificado em 1403 por iniciativa do Santo Condestável Nuno Álvares Pereira, constitui um exemplo do aproveitamento da energia das marés, cuja aplicação à atividade moageira se generalizou noutros tempos no estuário do Tejo.

Obter preço

PASSEIO AO MOINHO DE MARÉ EM OLHÃO: Horizontes

OLHÃO, 4 /Abril/2010 = Eram 10,35h quando saímos de casa para fazermos um passeio a pé até para lá da Quinta de Marim onde se situa o Moinho de Maré de Olhão. É um dos 3 Moinhos de Maré em funcionamento em Portugal e por isso vale a pena ver uma coisa que temos ao pé de casa.

Obter preço

Aqueduto e Moinho Medievais by Senos da Fonseca

Mar 20, 2015 · AVEIROApontamento histórico Aqueduto e Moinho da Maré Medievais. Para melhor compreensão mostro uma planta da Villa, do que foi descrito, ela seria em 1696.

Obter preço

Corroios O Portal dos Observadores de Aves

vegetação. Na Primavera observase igualmente o abelharuco (em geral do lado da vizinha Quinta da Princesa). Saindo do moinho de maré e virando à direita, seguese pelos arruamentos na direcção de Miratejo, até encontrar um sinal para a direita com a indicação "Ponta dos Corvos". O trajecto até este local tem cerca de

Obter preço

MOINHO DE MARÉ DO CAIS DAS FALUAS (MONTIJO, 19932005

MOINHO DE MARÉ DO CAIS DAS FALUAS (MONTIJO, 19932005) RESTAURO E MUSEALIZAÇÃO casa da rua bela vista rua da rosa beco da cardosa rua norberto araujo CIII5 quinta do laranjal residências estudantes calçada ribeiro santos res publica 2010 trienal de arquitectura lx 10 anos modalisboa pav. açores am meer pav. açores

Obter preço

Moinho das Fragas / Bruno Dias arquitectura ArchDaily Brasil

Planta A obra tem por princípio o baixo custo, com a reutilização do máximo de elementos existentes do moinho. Desta forma, o projeto centrase em resolver o interior dando resposta ao programa, com os espaços revestidos na sua totalidade com um só material – pinho, que se desenham em função dos usos, da luz e do bemestar.

Obter preço

DGPC Pesquisa Geral DGPC Direção Geral do

O moinho da Quinta da Palmeira foi erguido no século XV, na margem esquerda do rio Coina, na sequência da construção de uma série de moagens da região, inauguradas pela edificação do Moinho de Corroios, este ainda datado de 1403. É constituído por um conjunto de edifícios de planta rectangular, integrando a casa de moagem, com oito

Obter preço

Arquitetura e projetos de Casas Portugal ArchDaily Brasil

Veja mais de 433 obras de arquitetura relacionadas com Casas no Portugal

Obter preço

Universidade da Beira Interior Departamento de Engenharia

e Arquitectura da Universidade da Beira Interior. Projecto: 1 Planta de Implantação do Existente 2 Planta de implantação da Proposta 10 Plantas do edifício Moinho do Pombal PROPOSTA 11 Plantas da Cobertura do Moinho do Pombal PROPOSTA 12 Alçados do Moinho do Pombal

Obter preço

Moinho de Maré Junta de Freguesia de Corroios

Em meados do século XX era das quintas da região que provinham os mais diversificados cereais a farinar no Moinho. Chegam por terra mas muitas vezes pelas águas do esteiro, transportado por varinos que acostavam lateralmente ao edifício. Nos anos setenta, o Moinho de Maré de Corroios foi cada vez mais perdendo atividade.

Obter preço

(PDF) Alburrica – Mexilhoeiro Um conjunto patrimonial

Musa, 3, 2010, p. 215220 António Nunes Camarão 9 Alburrica / Mexilhoeiro Um conjunto patrimonial A estrutura em betão que se situa no topo da duna atrás do Moinho Nascente, corresponde à plataforma de apoio da cábrea (assinalada a vermelho na planta do estaleiro), anteriormente a meio caminho entre esta plataforma e o referido moinho

Obter preço

Corroios Património: 2007

Neste mês de Dezembro de 2007, encontramse no Sapal de Corroios mais de uma centena de Flamingos. Normalmente durante a preiamar frequentam a zona da Ponta do Mato e na baixamar as imediações do moinho de maré. Um património que nos orgulha e

Obter preço

Setúbal – Município Participado Website oficial do

Monólogos do TAS fazem ''Terapia das Almas'' 8 julho, 2019. Marginal do Rio Azul corre à beirario. 8 julho, 2019. Região acontece em nova agenda cultural. 5 julho, 2019. Arrábida Camp ocupa verão da juventude. 5 julho, 2019. Museu do Trabalho com candidaturas aprovadas. 4 julho, 2019. AML e Marinha assinam protocolo de colaboração. 4

Obter preço

DGPC Pesquisa Geral DGPC Direção Geral do

O moinho da Quinta da Palmeira foi erguido no século XV, na margem esquerda do rio Coina, na sequência da construção de uma série de moagens da região, inauguradas pela edificação do Moinho de Corroios, este ainda datado de 1403. É constituído por um conjunto de edifícios de planta rectangular, integrando a casa de moagem, com oito

Obter preço

A Matéria do Tempo: Moinhos de maré

May 07, 2007 · Esta enseada é separada do resto do rio por um açude. No enfiamento do açude fica o próprio edifício do moinho, por baixo do qual existem aberturas para a passagem da água: uma passagem para a água que sobe e outra ou outras para a água que desce, onde se encontram os rodízios que fazem girar as mós.

Obter preço

Sitio de Alburrica Moinhos by Associação Barreiro

Apr 07, 2019 · Terá ardido completamente e situavase nos terrenos da Quinta do Braamcamp. Moinhos de Maré 8 Moinho do Cabo de Pero Moço É, hoje, uma ruína, anterior a

Obter preço

ruin''arte: Moinhos de maré Seixal

Na margem esquerda do rio Coina, outros se ergueram: os dos Paulistas (velho e novo), o do Breyner, o da Palmeira, o do Cabo da Linha e o do Zeimoto. Com o terramoto de 1755, como todos os edifícios da região de Lisboa, também os moinhos de maré sofreram grandes danos e ruína, sendo certamente sujeitos a alterações durante a sua

Obter preço

PASSEIO AO MOINHO DE MARÉ EM OLHÃO: Horizontes

OLHÃO, 4 /Abril/2010 = Eram 10,35h quando saímos de casa para fazermos um passeio a pé até para lá da Quinta de Marim onde se situa o Moinho de Maré de Olhão. É um dos 3 Moinhos de Maré em funcionamento em Portugal e por isso vale a pena ver uma coisa que temos ao pé de casa.

Obter preço

Blogue do 8ºF: Flora do Sapal de Corroios turma8f

outras plantas halófitas como a gramata branca e a gramata gorda que são menos resistentes ao sal e por isso estão mais afastadas do centro da caldeira e arbustos como o valverde dos sapais, a barrilha e a salgadeira nos taludes do sapal.

Obter preço

Câmara do Barreiro manda abaixo moinho de maré para

A história remonta a 2016, ano em que se iniciou um processo sobre a requalificação do Moinho de Maré Pequeno, no esteiro de Coina. O executivo da autarquia decidiu avançar com obras de

Obter preço

Blogue do 8ºF: Flora do Sapal de Corroios turma8f

outras plantas halófitas como a gramata branca e a gramata gorda que são menos resistentes ao sal e por isso estão mais afastadas do centro da caldeira e arbustos como o valverde dos sapais, a barrilha e a salgadeira nos taludes do sapal.

Obter preço

ruin''arte: Moinhos de maré Seixal

Na margem esquerda do rio Coina, outros se ergueram: os dos Paulistas (velho e novo), o do Breyner, o da Palmeira, o do Cabo da Linha e o do Zeimoto. Com o terramoto de 1755, como todos os edifícios da região de Lisboa, também os moinhos de maré sofreram grandes danos e ruína, sendo certamente sujeitos a alterações durante a sua

Obter preço

Moinho de Maré Junta de Freguesia de Corroios

Em meados do século XX era das quintas da região que provinham os mais diversificados cereais a farinar no Moinho. Chegam por terra mas muitas vezes pelas águas do esteiro, transportado por varinos que acostavam lateralmente ao edifício. Nos anos setenta, o Moinho de Maré de Corroios foi cada vez mais perdendo atividade.

Obter preço

Moinhos de Maré: um Património a preservar (1) Textos e

Moinhos de Maré: um Património a preservar (1) Carlos Gomes(*) O moinho de maré de Corroios, no concelho do Seixal, foi mandado construir por D. Nuno Álvares Pereira em 1403, já lá vão mais de seis séculos de existência.

Obter preço

Câmara do Barreiro manda abaixo moinho de maré para

A história remonta a 2016, ano em que se iniciou um processo sobre a requalificação do Moinho de Maré Pequeno, no esteiro de Coina. O executivo da autarquia decidiu avançar com obras de

Obter preço

Moinho das Fragas / Bruno Dias arquitectura ArchDaily Brasil

Planta A obra tem por princípio o baixo custo, com a reutilização do máximo de elementos existentes do moinho. Desta forma, o projeto centrase em resolver o interior dando resposta ao programa, com os espaços revestidos na sua totalidade com um só material – pinho, que se desenham em função dos usos, da luz e do bemestar.

Obter preço

Quinta de Marim e Chalé João Lúcio Algarve Portugal

Dec 18, 2018 · Laborou entre 1885 e 1970, tendo sido o último moinho de maré da Ria Formosa a cessar a atividade. Este moinho tinha 6 casais de mós. O moleiro e a sua família habitavam no edifício do moinho.

Obter preço

LoveTrees Project: Moinho da maré da Mourisca

Sabe a passeio, a descontração e a tranquilidade. Visitar o Moinho da Maré nas Mouriscas oferecenos as asas do conhecimento sobre as espécies que dão vida à terra, que habitam o mundo natural que nos circunda e que coabita amigavelmente com o ser humano.

Obter preço